Oferta!

O Povo dos Pés Molhados!

R$9,99

Esse texto que acabamos de ler foi o último instante que Israel viveu longe do local que Deus tinha prometido dar a eles. Josué preparou o povo e disse: “Amanhã de manhã nós vamos sair e tomar posse das terra que o Senhor prometeu aos nossos pais.” Entretanto, pela manhã, Josué parou diante do Jordão e viu que o rio estava cheio de forma que era impossível atravessar com crianças, velhos e animais. E Josué foi consultar a Deus e disse: “Temos um problema muito sério. Estamos na beira da terra da promessa. Estamos vendo a terra, mas não temos como chegar até lá. Estou prestes a tomar a benção mas há um Jordão que nos separa. E eu não tenho como chegar à terra que tu me prometeste.” Foi nesse momento que Deus deu a seguinte instrução: “Separa doze homens, e ordena aos sacerdotes que peguem a arca do concerto, a arca do Senhor de toda a terra e marchem na frente. E há de ser que quando as plantas dos pés deles tocarem nas águas, o Jordão vai se abrir no meio. As águas vão descer e haverá uma barreira que não vai deixar as demais águas descerem, mas antes o povo terá que molhar os pés”. Gente, Josué fala isso para os sacerdotes. Quando eles molharem os pés, as águas que desceram vão embora, mas as águas que vierem não vão ter como passar. E o povo passou pela frente de Jericó e acampou do outro lado. O que isso significa tudo isso? Para que toda essa história? Para nos ensinar algumas lições importantes para a nossa vida hoje, a saber:

Carrinho de compras
Rolar para cima